sábado, 10 de março de 2012

O muro da informação.

O "paywall" (muro de pagamento), um sistema de cobrança do acesso ao conteúdo dos sites de informação, começam a ser erguidos. Depois do "New York Times" e dos 80 jornais da rede americana Gannett, nessa semana foi a vez do "Los Angeles Times" anunciar que adotará o sistema para recuperar parte da receita que a publicidade on-line não consegiu repor. As expectativas giram, também, em torno da manutenção audiência do site mais o acréscimo de 300 à 500 mil assinantes do tal muro.

Existem três modelos de "muros", hoje em dia: um inteiramente fechado, adotado pelo "Times" de Londres em 2010; outro inteiramente aberto, mantido pelo londrino "Guardian" e pelo "Washington Post" - mas ambos testando caminhos para rentabilizar o acesso livre (por exemplo, licenciando conteúdo para desenvolvedores, com divisão de eventuais lucros com publicidade); e o "poroso", que tem como característica principal permitir o acesso livre, para não assinantes, até um determinado número de páginas por mês (entre 15 e 20 páginas). É o caso do "Los Angeles Times".

A velha lógica de construir muros ao invés de pontes persiste..

2 comentários

Revolution Rock Back-Up disse...

Olá meu amigo.

Meu blog foi deletado (revolutionrock003.blogspot.com).

Já criei um novo blog:

revolutionrock004.blogspot.com

Favor alterar o link de acesso constante em seu ótimo blog.

Obrigado.

Cacá

Lucelia disse...

O melhor sistema de TV HD www.tvhd.com.br

Postar um comentário

Desenvolvido por UsuárioCompulsivo, desmontado e remendado por "Estranho Mundo de Mary". ^