quinta-feira, 21 de agosto de 2008

Ritchie Valens - Story (2000)

Boomp3.com
Amigos,
Richard Steven Valenzuela, mais conhecido como Ritchie Valens, nasceu em Pacoima (Vale de São Fernando), no subúrbio de Los Angeles, Califórnia, Estados Unidos, em 13 de Maio de 1941. Descendente de mexicanos, aos 15 anos comprou sua primeira guitarra e, em 1957 já com 16 anos, formou uma banda chamada Satellites, formada por dois negros, um americano de ascendência mexicana e um de origem japonesa. Meses depois Valens foi descoberto pelo produtor Bob Keane e depois de 60 tentativas (como descritas no filme "La Bamba") conseguiu chegar ao take definitivo de "Come On Let's Go" e, assim, chegou as lojas seu primeiro compacto já com o seu nome artístico. No segundo semestre de 1958 sua carreira tomou um grande impulso quando participou do filme "Go Johny Go" e logo depois produziu seus dois grandes hits: "Donna", uma balada romântica que fizera para uma paixão de colégio e que alcançou o segundo lugar nas paradas norte-americanas, bem como, "La Bamba", que é a releitura de uma canção folclórica mexicana de mesmo nome, a qual tomou a decisão de gravá-la após cruzar a fronteira e dar um passeio em Tijuana. A carreira de Ritchie Valens estava em ascendência. No entando, em 3 de fevereiro de 1959, Buddy Holly, Big Bopper e Valens morreram em um acidente de avião. Esse incidente ficou conhecido como "o dia em que a música morreu", retratado posteriormente na canção American Pie, de Don McLean. Ritchie Valens, durante sua breve carreira, produziu dois álbums. Quando se interessou pelo rock, Valens já possuia uma base musical sedimentada no pop, no jazz e na música folclórica mexicana, apesar de não falar bem a língua espanhola. Depois de sua morte pouco do material inédito disponível de Valens foi lançado em disco, por isso esse registro, lançado em 2000, é tão importante. Confiram o vídeo de "Ooh My Head", retirado do filme "Go Johnny, go!", de 1959.
Até mais.

1 comentário

Ricardo N. disse...

Ritchie Valens superou o preconceito dos americanos e mostrou que os latinos têm rock nas veias! Valeu, amiga!

Postar um comentário

Desenvolvido por UsuárioCompulsivo, desmontado e remendado por "Estranho Mundo de Mary". ^