segunda-feira, 28 de julho de 2008

365 - 365 (1987)

boomp3.com
Amigos,
prosseguindo em minha empreitada, na vã tentativa de personificar musicalmente minha personalidade "excêntrica" (ó eu, gastando o verbo!), trago, dessa vez, uma banda excelente e de enorme reputação. Trata-se da 365, uma banda formada em 85 por Finho, nos vocais, Ari Baltazar, na guitarra, Mingau, no baixo, e Miro de Melo, na bateria. Precursores do "Rock Combate", classificação dada ao som da banda por alguns críticos da época, o 365 arrebanhou fãs por toda cena do crescente underground paulista dos anos 80. Clássicos como "Canção para Marchar", "Grândola (Vila Morena)" - música que foi utilizada como senha de sinalização durante a Revolução dos Cravos, em Portugal, "Nunca mais seremos os mesmos" e o hino paulistano "São Paulo" ajudaram a muitos jovens (e não tão jovens assim) a entender os acontecimentos do período da "abertura". Quero compartilhar com vocês, hoje, o primeiro álbum dessa banda, gravado em 87 (e que atingiu a marca de 80.000 álbuns vendidos - marca expressiva pro estilo e pra época). Letras inteligentes e combativas; simples - mas nunca simplórias, e muito sinceras e honestas. Mais informações aqui.
Essa é uma daquelas bandas que dá orgulho conhecer!
Até mais.

2 comentários

Marcelo Gavellan disse...

Olá, Mary!
Essa é, sem dúvida, uma das mais importantes bandas dos anos 80! Gostei muito de saber que você também curte 365! Quer dizer que não estamos sós! Té + !

Bloody Mary disse...

Oi, Marcelo!
Sem dúvida o 365 é uma das grandes bandas nacionais. Sua reputação vinha das muitas apresentações pelo interior de SP e seu engajamento político. É uma das minhas favoritas!
Até mais!

Postar um comentário

Desenvolvido por UsuárioCompulsivo, desmontado e remendado por "Estranho Mundo de Mary". ^